Escolha uma Página

Algumas empresas brasileiras possuem a fama de serem bons lugares para trabalhar. Existem aquelas que estão sempre nos rankings das revistas e as que são sempre lembradas por seu plano de carreira, benefícios e bons salários. As pessoas costumam dizer que ser funcionário dessas organizações é sinônimo de realização profissional.

Essas empresas alcançaram esse status por seu excelente employer branding — conceito que se refere à gestão da imagem de uma marca junto aos seus colaboradores. Afinal, não apenas clientes são os públicos importantes para uma empresa. Parceiros, fornecedores e, principalmente, os funcionários também são.

Explicaremos aqui o que é employer branding e como ele pode ajudar o RH a contratar mais assertivamente e a captar mais talentos. Acompanhe!

O que é employer branding?

O termo branding refere-se à gestão da imagem de uma empresa. Geralmente, o conceito é lembrado quando aplicado aos consumidores ou clientes, na busca pela formação de uma representação favorável de uma marca. No entanto, o branding pode ser aplicado também na gestão da imagem junto aos colaboradores, atividade que chamamos de employer branding.

Ele busca a excelência da reputação de uma marca entre os profissionais que trabalham para ela. A tarefa é gerenciada por profissionais de Recursos Humanos, que buscam criar uma cultura empresarial que satisfaça tanto empresa quanto empregadores. O objetivo dessa estratégia é encantar funcionários, criar defensores da marca e atrair sempre ótimos profissionais.

Qual a importância dessa estratégia para a sua empresa?

A consequência mais óbvia de se investir em employer branding é chamar a atenção dos profissionais para a sua empresa, que vai se destacar como um bom local de trabalho e atrair bons candidatos às vagas abertas. Outras boas vantagens são:

Criação de defensores da marca

Os funcionários devem ser os maiores defensores de uma empresa. Ter o público interno a favor de uma organização significa, para outros públicos, que aquela é uma empresa confiável, que investe em pessoas e possui uma preocupação social.

Atração de talentos

Esse benefício afeta diretamente a atividade de RH. Atrair talento é um dos grandes desafios do setor, já que esses profissionais são disputados por empresas (concorrentes ou não!). Oferecendo um ambiente de trabalho competitivo, a sua empresa atrairá os melhores candidatos nos processos de recrutamento e seleção.

Aumento da produtividade na empresa

Funcionários satisfeitos produzem mais! Eles também faltam menos ao trabalho, procrastinam menos e têm orgulho de desempenharem suas funções. Torna-se um ponto a favor do trabalho dos gestores de recursos humanos, que têm de lidar com questões como doença laboral e absenteísmo.

Redução nos custos em seleção de pessoal

Por fim, os custos de recrutamento serão muito menores. Primeiro porque os melhores profissionais se candidatarão às vagas da empresa, o que significa diminuição no tempo de seleção. Outra consequência é a diminuição da rotatividade e maior retenção de talentos.

Como desenvolver uma estratégia de employer branding de sucesso?

Para colocá-la em prática, o primeiro passo é construir uma cultura empresarial forte, ou seja, partilhar os valores e objetivos da empresa com os funcionários, em cada ação do dia a dia. Uma empresa que deseja atrair funcionários antenados, modernos, criativos, por exemplo, precisa transparecer isso em sua comunicação interna e externa.

Faça uma lista com os principais desafios da empresa, como: atrair talentos, diminuir a rotatividade, estimular o interesse de profissionais em início ou fim de carreira, entre outros. Em seguida, relacione os objetivos com uma estratégia da organização. Para atrair o interesse de jovens profissionais, pode ser uma boa ideia criar um plano de carreira atrativo, de rápido crescimento.

Outras questões que podem ser trabalhadas na construção do employer branding são:

  • remuneração;
  • benefícios;
  • participação nos lucros;
  • assistência à família do colaborador;
  • flexibilidade de horários.

A dica é você usar a criatividade. Além disso, vale lembrar também que é importante acompanhar os resultados sempre, adaptando a estratégia escolhida se houver necessidade.

Agora que você já sabe o que é employer branding, que tal ficar por dentro de outros conteúdos igualmente interessantes para a gestão de Recursos Humanos? Curta nossa página no Facebook e acompanhe as novidades!

 

 

ebook manual contratação eficiente