Escolha uma Página

Toda empresa busca uma relação duradoura com aqueles colaboradores que atendem às suas expectativas. Por isso, é importante entender como avaliar se um profissional atende aos requisitos da instituição, o que é função da análise de desempenho.

Os dados coletados por esse tipo de avaliação podem determinar o perfil profissional de cada indivíduo que compõe o quadro de colaboradores, indicando também suas principais forças e fraquezas. Isso constitui um verdadeiro mapa do tesouro para o desenvolvimento humano.

Quer saber mais sobre o assunto e entender como isso funciona na prática? Então, fique conosco e aproveite este post até o final!

Como funciona uma análise de desempenho?

Essa ferramenta é aplicada em empresas que querem compreender o comportamento dos profissionais dentro da empresa e como ele afeta a performance de todo o time de trabalho. Isso significa um mapeamento completo daquelas características que são positivas ou negativas em cada indivíduo.

É a partir dos levantamentos feitos durante a avaliação de desempenho que a empresa consegue articular estratégias de desenvolvimento, individuais ou por equipe. Normalmente, essas estratégias estão relacionadas a treinamentos ou dinâmicas para aprimorar as habilidades e competências de cada um, que podem abranger:

  • relacionamento interpessoal;
  • negociação;
  • comunicação;
  • liderança;
  • tomada de decisão;
  • vendas;
  • organização.

Para determinar se o resultado apontado por um profissional é positivo ou não, são adotados critérios para cada cargo ou função. Se a empresa consegue definir qual é o perfil ideal de profissional para uma atividade, a avaliação permite realizar um comparativo do que precisa ser melhorado para o colaborador exercer com maestria suas obrigações.

Isso também ajuda a contratar profissionais mais alinhados com a empresa. Em vez de escolher candidatos apenas pela sua experiência profissional e formação, você pode começar a analisar se ele tem um bom perfil de liderança, se a sua comunicação é assertiva e se ele se relaciona bem com os demais, por exemplo. Com isso, a empresa pode medir as tendências de comportamento e competências que geram os melhores resultados para o negócio.

Como o método pode ser conduzido?

Para que todo o processo seja bem-sucedido e gere informações relevantes, são seguidos alguns passos na sua aplicação. A empresa:

  1. define os objetivos e as respectivas metas da avaliação, por setor ou por colaborador;
  2. determina qual é o tipo de avaliação que pode atender às suas necessidades;
  3. aplica os questionários ou formulários, coletando todos os dados;
  4. reúne, trata e analisa os indicadores que surgem desses dados;
  5. proporciona um feedback claro e construtivo ao profissional, mostrando como melhorar;
  6. oferece a oportunidade da autoavaliação, estipulando compromissos de melhoria;
  7. valoriza e reconhece os colaboradores que tiveram uma melhor performance;
  8. finaliza com a documentação de todos os resultados obtidos durante o processo.

Em médio e longo prazo, os indicadores podem ser utilizados para balizar as decisões da empresa. Portanto, são de grande importância para o negócio.

Quais são as formas mais comuns de análise de desempenho?

O tipo de análise de desempenho aplicado vai depender dos objetivos e necessidades da empresa. Conheça brevemente quais são as metodologias mais utilizadas:

  • autofeedback;
  • avaliação por objetivos;
  • avaliação por incidentes críticos;
  • avaliação por desempenho 180 graus;
  • avaliação por desempenho 360 graus;
  • avaliação da equipe;
  • avaliação por competências.

Independentemente do método utilizado, a análise de desempenho precisa ser realizada periodicamente. Como você já conferiu, além de proporcionar contratações mais acertadas, ela ajuda a desenvolver as pessoas e a gerar resultados cada vez melhores para o negócio.

Se você quer continuar aprendendo, não só sobre análise de desempenho, mas também sobre como melhorar seu processo seletivo, confira como aumentar o engajamento de candidatos!