Escolha uma Página

A consistência da cultura de uma empresa é medida pelo alinhamento da equipe com os objetivos do empreendimento. Isso significa que missão, visão e valores, por exemplo, vão muito além de palavras escritas em um quadro ocupando a parede. Em uma cultura organizacional forte, essas determinações se tornam presentes no dia a dia do negócio.

Quando os colaboradores conseguem indicar de pronto quais são os valores do negócio e a razão de ser da empresa, é sinal de que a cultura organizacional está enraizada e funciona como deveria. O contrário disso, ou seja, o desconhecimento dos objetivos empresariais, é um indicativo de que é necessário estabelecer uma cultura organizacional concisa.

Para ajudar nessa missão, preparamos um conteúdo que auxiliará você a entender melhor o que é cultura organizacional e qual a sua importância para o negócio. Além disso, mostraremos os principais passos para implementá-la e como contar com os colaboradores para fortalecê-la. Confira!

O que é cultura organizacional?

A cultura organizacional é definida pelo conjunto de diretrizes que norteiam o comportamento dos membros de uma equipe. Isso inclui mentalidade, hábitos, valores, políticas e uma série de outros elementos. Seu objetivo é deixar claro para os colaboradores:

  • a linguagem esperada e permitida no ambiente de trabalho;
  • as práticas que são bem vistas pela organização;
  • os hábitos que devem fazer parte da rotina do grupo.

Com base nisso, é possível que os colaboradores consigam resolver os problemas do dia a dia de trabalho de forma alinhada com as expectativas da empresa, tomando decisões acertadas sem precisar consultar alguém sobre sua conduta.

Apesar de a cultura organizacional ter algumas determinações formais, tais como missão, visão e valores, ela é exercida pelas pessoas e, por essa razão, sofre influência de cada membro da equipe. Por isso, é importante manter líderes alinhados com a cultura organizacional e que a reforcem no dia a dia.

A imagem de uma liderança influente e que demonstra, pelo exemplo, como a cultura organizacional deve ser executada na rotina de trabalho, fortalece ainda mais suas determinações. Assim, aspectos como inovação, aceitação de novas ideias e valorização do aprendizado podem ser incorporados gradativamente.

Qual é a sua importância para a gestão de um negócio?

A cultura organizacional acaba sendo um diferencial estratégico importante para a empresa. Todo empreendedor que deseja ter um negócio independente, ou seja, que funcione sem que a sua presença seja necessária, precisará estabelecer uma cultura devidamente estruturada para isso.

Isso significa que tanto os propósitos quanto a própria motivação de ser da empresa devem ser internalizados por suas equipes. O resultado é um crescimento conjunto, em que o desenvolvimento de uma das partes provoca o de outra.

Você já viu que a cultura organizacional é o que guia as equipes para resolverem situações diárias. Por isso, ela precisa nortear com clareza a todos os envolvidos. Quando bem estabelecida, a cultura traz benefícios importantes para o negócio, como:

  • definição de diretrizes como missão, visão e valores;
  • desenvolvimento de uma percepção positiva da empresa pela equipe;
  • expansão da consciência das equipes sobre comportamentos, hábitos, princípios e outras práticas rotineiras;
  • direcionamento do comportamento e da mentalidade dos colaboradores;
  • clareza no estabelecimento de políticas internas, com linguagem e itens simples;
  • alinhamento da comunicação interna, formal e informal.

Quais são os principais passos na implementação de uma cultura organizacional própria?

Para implantar uma cultura organizacional própria e usufruir dos benefícios e vantagens já citados, alguns passos são importantes de serem seguidos. Confira!

1. Atribua um significado

O significado está atrelado à imagem que a empresa deseja transmitir para o seu público interno e externo, ou seja, como ela quer ser vista pelos colaboradores e clientes. Trata-se da sensação que o negócio pretende despertar nas pessoas e das palavras às quais ela quer ver sua marca relacionada.

Definindo esses aspectos, é possível começar a traçar a cultura organizacional.

2. Construa uma base

A base de uma cultura organizacional está pautada em detalhes que farão a intenção de o significado funcionar, na prática. Isso envolve os valores da empresa, aos quais todas as atitudes tomadas devem ser orientadas para reforçar a ideia inicial do negócio.

A base só funciona quando os valores e o significado da empresa são disseminados frequentemente por frases, imagens e quaisquer meios de comunicação de modo a garantir que todos mentalizem as diretrizes da cultura organizacional.

3. Não tente agradar a todos

Já foi dito que as pessoas são essenciais na disseminação e fortalecimento da cultura empresarial. No entanto, é impossível agradar a todos. Por isso, nem perca tempo tentando. A definição da cultura deve estar embasada nos itens anteriores e ser mantida até que se enraíze na organização.

Nesse processo, alguns colaboradores levarão certo tempo para se adaptar, enquanto outros podem não conseguir e terão que ser substituídos. Isso faz parte de elaborar um time alinhado com a cultura organizacional da empresa.

4. Deixe a liderança indicar o caminho

Aqueles colaboradores que assumem uma posição de liderança chegaram a esse posto por possuírem características que tenham a ver com a identidade da empresa e que também estão próximas da equipe. Dessa forma, é importante dar valor às opiniões e percepções desses profissionais.

Eles podem contribuir para um posicionamento mais flexível e adequado às expectativas dos colaboradores, dando sugestões durante a criação de ideias a serem transmitidas pela empresa.

5. Crie rituais

Os rituais são uma ótima forma de reforçar a cultura organizacional. Toda atividade cotidiana traz consigo uma oportunidade valiosa de reafirmar as ideias do negócio e fortalecer ainda mais os valores da empresa.

Um exemplo disso são empresas que pregam a importância do crescimento interno do profissional. Para que essa oportunidade não fique só no discurso, é importante que se intensifique a ideia dos profissionais desenvolverem habilidades para serem promovidos sempre que uma nova vaga surgir.

6. Alinhe o processo de contratação

Não analisar o fit cultural no momento de selecionar novos talentos é um erro que pode prejudicar a empresa. Por isso, o processo seletivo deve estar devidamente alinhado com a cultura da empresa e considerar aspectos dos candidatos que vão além das suas habilidades técnicas.

Nesse ponto, avaliar o perfil comportamental dos profissionais é algo muito importante. É mais fácil desenvolver e treinar o conhecimento técnico de um profissional do que seus hábitos e comportamentos. Dessa forma, a identificação com a empresa é essencial para não contratar um talento insatisfeito.

Como contar com os colaboradores para criar uma cultura organizacional alinhada?

É muito importante que a cultura organizacional esteja presente em toda a empresa, desde os processos de recrutamento até as estratégias de retenção de talentos. Por estar atrelada à identidade empresarial, ela deve exalar seus valores, missão e visão o tempo todo, fortalecendo esses conceitos na mente de seus colaboradores.

Sob esse aspecto, para que os colaboradores ajudem a criar uma cultura organizacional forte e alinhada aos objetivos do negócio, é essencial que a empresa comunique constantemente suas diretrizes. Para isso, ela deve utilizar de ferramentas que informem e conscientizem os profissionais sobre as condutas que ela valoriza.

Ao definir esse posicionamento e disseminá-lo entre a equipe, a empresa desenvolve uma identidade com a qual as pessoas podem se reconhecer e estabelecer laços de cooperação. Isso melhora o clima organizacional e harmoniza o ambiente de trabalho.

Agora que você já descobriu o que é e como a cultura organizacional influencia no sucesso da sua empresa, além de aprender como implementá-la de maneira eficiente, que tal expandir ainda mais o seu conhecimento? Assine nossa newsletter e receba todos os nossos conteúdos diretamente no seu e-mail!

ebook manual contratação eficiente