Escolha uma Página

A inteligência artificial no recrutamento é uma ferramenta importante para a tomada de decisão. Ela ajuda a basear as escolhas em dados e automatiza a ordenação das informações.

Além disso, ela proporciona contratações cada vez mais acertadas, utilizando o cruzamento dos dados do candidato com os requisitos da empresa, por exemplo. Quer conhecer 5 formas de aplicar a inteligência artificial no recrutamento? Continue conosco!

Como aplicar a inteligência artificial no recrutamento

1. Divulgue a vaga

Seja para um banco de dados próprio ou para a publicação em redes sociais profissionais, a inteligência artificial permite que você filtre para quem quer impulsionar sua divulgação. Dessa maneira, você pode fazer uma triagem inicial para decidir quem receberá o anúncio da vaga e atrair a atenção de talentos que cairiam como uma luva para uma oportunidade específica.

2. Determine o perfil ideal do candidato

O cruzamento de dados também é uma maneira eficiente de utilizar a inteligência artificial no recrutamento. Quando você possui um modelo para comparar, ou seja, um perfil ideal, é simples identificar quais candidatos mais se aproximam da referência. Portanto, você já começa a atrair profissionais alinhados com a estratégia da empresa, reduzindo os riscos de uma contratação equivocada.

3. Realize a triagem de currículos

Com os dados de referência determinados, uma triagem eficiente é tão fácil quanto o pressionar de uma tecla, literalmente. Você pode utilizar um sistema inteligente que identifica, com agilidade e precisão, quais são os currículos que contêm exatamente os dados que a sua empresa está buscando. Assim, quando você chegar à fase de seleção, poderá se ater a características comportamentais, com a certeza de que está escolhendo entre os melhores candidatos à sua vaga.

4. Utilize as ferramentas certas

Você pode adotar desde ferramentas simples, como os chatbots, para agilizar o processo de contato com a empresa para tirar dúvidas e afins, até aqueles softwares mais complexos de avaliação automática de currículo. O mais importante é escolher um fornecedor que realmente priorize as ferramentas mais completas. Evite aqueles filtros meramente eliminatórios, e busque um parceiro que veja a inteligência artificial como parte do desenvolvimento humano.

5. Aplique testes

Os testes são ótimos para acessar informações que nem sempre estão disponíveis no currículo, especificamente aquelas relativas ao comportamento. Com o uso de inteligência artificial no recrutamento você pode descobrir, antes mesmo da entrevista, quais são as principais características do candidato, o que o motiva, o que o desmotiva, como ele é percebido pelos pares de trabalho, e assim por diante.

Essa é uma ferramenta importante que pode otimizar todo o processo de recrutamento, dando agilidade, precisão e segurança às contratações. Fica muito mais fácil realizar a admissão ideal quando você precisa escolher apenas entre os melhores candidatos em vez de perder dias conversando com profissionais que não estão alinhados à vaga, não é mesmo?

Cuidados fundamentais ao usar a inteligência artificial no recrutamento

Não esqueça de tomar alguns cuidados ao aplicar a inteligência artificial no recrutamento:

  • priorize o relacionamento com o fornecedor do serviço;
  • valorize o fator humano em todas as etapas;
  • foque no desenvolvimento das pessoas e não na sua simples eliminação no processo;
  • mantenha seus dados de referência atualizados;
  • experimente alterar requisitos da função se a análise de desempenho indicar resultados insatisfatórios.

Agora que você já sabe como utilizar a inteligência artificial no recrutamento, que tal compartilhar este post nas redes sociais e dividir conhecimento com os seus amigos?

ebook manual contratação eficiente